Sempre em Cristo

Ajudando você a entender as escrituras.

Random Posts

Ads Here

domingo, 8 de março de 2015

O GLAMOUR GOSPEL E A DECADÊNCIA DA ADORAÇÃO CRISTÃ

Cada vez mais ouvi-se esse termo “Gospel”. Etimologicamente, Gospel é considerada uma supressão das palavras "God" e "Spell", ou seja, "Deus" e "palavra", em português. A partir da mistura das palavras, teria surgido o termo "gospel", que significa
, ao pé da letra, "palavra de Deus". O termo surgiu nos Estados Unidos, com os cultos que eram realizados.

Cantor Gospel - este é o termo mais ouvido no mundo contemporâneo. Mais e mais as pessoas tem adotado esse

nome para quem é um tipo de “estrela“ ou tem uma certa fama no meio cristão. Hoje, quem vai um... show, onde tem esse tipo de... de cantor gospel, como chamam, nota-se muito entretenimento. Sim, apenas, entreter o “público”. O que mais acontece é Divertimento, recreação, passatempo; entretimento, onde se ouvi tais frases “tira o pé do chão...!!”, “tira o pé do chão, povo de Deus!!”, “levante a mão pra cima e grite assim, vai...!”, “levante a mão pra cima e bata palmas”, “vai, adore aí, irmão!!”. Não para por aqui, eles usam a melhor marca de roupas, tênis de valor alto para a realidade brasileira, R$ 600, 1000,00 cada peça. Quando eles estão para fechar um show, esses prostitutos da música gospel, exigem garrafinhas de água mineral da melhor qualidade, toalhinhas para enxugar seus rostos molhados de fama decadente, cachês a partir de R$ 50 mil reais para cantar no “playback”. Sai mais barato colocar o pendrive com sua musica pra rodar. E só pode ser a penas 1 música, se forem 2 já é outro preço.

Certa vez, a elite da música gospel ia cantar perto na praça da prefeitura de um determinado lugar. Essas bandas, cantores tinham seus preços. Um cantor tal disse que não ia cantar porque o contratante não atingira o valor estipulado pela produção. Outro porque o valor era muito baixo, outro porque o cache era menor, tipo uns R$ 150 mil e eles pediram R$ 250 mil; Outro porque não tinha camarim com exóticas frutas, bebidas de qualidade formidável.. uma picanha...! Não acredita? Nem eu! Mas é uma verdade lamentável! É o que se passa na podridão escusa desse meio prostituído que intitulam gospel.

Para tudo tem um termo gospel ao final de certas palavras, quando convém. Hoje em dia, Se você canta músicas divertidas que causam entretenimento e diversão, acabam chamando o astro dessa histeria de “cantor gospel”. Não se pode deixar de mencionar a tal da melô do arrocha gospel. Isto é uma tipo de dança sensual onde mexe-se o corpo de um lado para o outro de maneira sensualizada. A h claro.. você, leitor, pode dizer, nossa, como essa pessoa é careta! Será? Logo vamos ver o que os registros ditos sagrados afirmam. Impossível não comentar sobre a barbárie do “swing gospel”. Você sabe o que é isso? Swing é uma casa onde existem troca de casais, sim, para fazer sexo com várias outras pessoas sem ao menos o ressentimento de errado ou certo, tendo afirmação de que é algo embasado nos escritos bíblicos.

Diante disso, entende-se que esse é um termo que transformaram, aqui no Brasil, em algo genérico e sem sentido, infelizmente. O problema não é o termo, mas onde o empregam. Portanto, fiquem alerta quanto a esses que deturpam os registros cristãos. Não aceite qualquer coisa que te oferecem. Estude e pesquise. O verdadeiro adorador adora a Deus sem de nada precisar, senão de Deus mesmo:

"Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem.

Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade".

João 4:23-24
Postar um comentário