Posso praticar esportes?


Gostaria de praticar esportes como, futebol, lutas e etc.

       Vou dizer a vocês, gosto muito de uma partidinha de futebol quando tenho tempo. Praticar esportes tonifica o corpo, melhora a respiração, o ar circula melhor, assim como a circulação sanguínea. Mas existem aquelas perguntas: posso praticar “esportes de artes marciais, como o karatê, capoeira, boxe, kung-fu e etc.?“.

       Como professor de Karatê e um dia fui de capoeira tentarei explicar aqui não somente meu ponto de vista mas o que o esporte tem beneficiado a muitas pessoas.


      Ressaltarei apenas o karatê e a capoeira porque são artes marciais que possuem culturas que valem a pena comentarmos para que fiquem esclarecidas e termos melhor entendimento daquilo que estamos falando. Importante comentarmos uma verdade: a prática desportiva no Brasil e em outros países tem feito sua diferença quanto à questão trabalhos sociais para crianças e adolescentes e também os de mais idade. Dizer que a luta é do diabo, como já ouvi diversas vezes, é no mínimo, ignorância e falta de conhecimento; ignorância porque ignoram o descobrimento da verdade e falta de conhecimento porque não procuram conhecer a verdade ignorando-a. Na época de Paulo, que é o mais recente que podemos comentar, existiam jogos olímpicos, lutas, mas tudo dentro do esporte. Em uma de suas cartas a Timóteo, Paulo afirma: (I Timóteo 4:8) -  Porque o exercício corporal para pouco aproveita, mas a piedade para tudo é proveitosa, tendo a promessa da vida presente e da que há de vir. (negrito nosso).
Paulo está querendo dizer que o corpo perece, mesmo com exercícios físicos; mas a piedade traz-nos benefícios futuros sobre a “promessa e da vida que está por vir”.

       O karatê é uma arte marcial muito interessante que possui uma cultura totalmente diferente da nossa, brasileiros. A forma de se cumprimentar é colocarmos as mãos juntas ao corpo na parte lateral da coxa e inclinarmos um pouquinho para frente que em nosso país quer dizer e mesma coisa que aquele beijinho no rosto e aperto de mão. Isso nada tem a ver idolatria; tem a ver, sim, com saudação dentro da cultura japonesa. Outro aspecto que temos que comentar é quando se inicia a aula que, em algumas academias, existe uma foto que é do mestre Gichin Funakoshi, fundador do karatê Shotokan, não concordo muito pelo fato de desconforto a uma imagem. Veja bem, imagem nada tem a ver com idolatria, o que caracteriza idolatria é uma forma de paixão exagerada, por exemplo, se ajoelhar diante de uma imagem para pedir algo a ela é um tipo de idolatria, pois quando conhecemos a verdade que está em CRISTO JESUS, percebemos que o ato de se ajoelhar pertence somente ao Senhor, porque em MT 22:37 diz:
           Respondeu-lhe Jesus:  Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento.
Com esta e outras passagens diversas existentes na bíblia podemos entender que o amor exagerado que temos que ter em forma de idolatria pertence somente a DEUS, pois, quando o diabo foi tentar a JESUS ele disse:  (MT 3:8,9) – Levou-o ainda o diabo a um monte muito alto, mostrou-lhes todos os reinos do mundo e a glória deles 9 e lhe disse: Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares.
10 Então, Jesus lhe ordenou: Retira-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor, Teu Deus, adorarás, e só a ele darás culto.
         Podemos perceber que para adoramos de forma máxima precisamos nos ajoelhar e diante de DEUS, demonstrando-o dependência, humildade, amor etc.. O perigo mora aí, quando uma pessoa se prostra diante de uma imagem ou qualquer coisa que não seja ao DEUS TODO PODEROSO.
        Portanto, inclinar o corpo para frente de forma imperceptível não é adoração é uma forma de cumprimentar dentro da cultura japonesa.


       A capoeira é uma linda e bela luta, diferentemente, de todas as artes marciais existentes, onde se tem música, dança, movimentos aeróbicos e arte. Esta arte tem como origem a cultura africana que por sua vez é baseada em músicas relacionas a determinadas entidades. O único perigo da capoeira está em suas músicas de adoração a entidades ligadas ao candomblé. Hoje, existem grupos cristãos de capoeira espalhados pelo Brasil levando a palavra de DEUS, como trabalhos sérios e dedicados que já inventaram músicas dentro do mundo cristão, ou seja, dentro de nossa realidade, extirpando cantos a essas entidades, louvando somente o nome de Senhor. Não digo que são todas as músicas, mas a sua maioria.

      “Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus” - (I Corintios 10:31).




Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.